eu esmago flores…

e faço fotografia com o sumo que sai delas…

em 2010 fiz um projeto usando a técnica do anthotype diretamente sobre folhas de plantas (falei dum pouco sobre esse trabalho aqui).

flores de ipê rosa, prestes a ir para o almofariz.

atualmente estou pesquisando outra variável dessa técnica que foi descoberta no século XIX pelo Sir John Herschell (o mesmo senhor do cianótipo): esmagando pétalas de flores. de uma experiência de Herschel sobre o pigmento das plantas é percebido que a ação dos raios do sol é a de destruir as cores. o resultado dessa fotografia orgânica é uma imagem efêmera quando exposta a luz depois de produzida e instável quanto a ação do tempo.

anthotype durante o tempo de exposição ao sol. 2 dias (1 de sol, 1 de chuva) e pouco desbotamento.

os tempos de exposição são longos e dependem muito da quantidade de UV irradiada sobre  os pigmentos no período em que estiverem expostos ao sol.

dá margem a muitas reflexões… sobre o tempo que passa e o tempo que faz…

anthotype de flor de ipê rosa (a algumas gotas de álcool de cereais) depois de 10 dias de exposição (na luz de inverno).

Anúncios

2 Comments

  1. Boa Noite,
    Procurando algo mais sobre antothype, tropecei nesta maravilha que é o seu blog. Tanta e tão boa informação que me levará muito tempo a digerir….mas como já estou habituado ao pinhole….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s